RONDÔNIA PELA EDUCAÇÃO: Comportamento empreendedor para os gestores municipais

Ideia foi muito bem aceita e contagiou as administrações dos municípios

0 6

Os municípios de Vilhena e São Francisco do Guaporé possuem colaboradores líderes da administração capacitados pelo seminário Empretec. Isto quer dizer que adquiriram conhecimentos e habilidades para desenvolver suas características de comportamento empreendedor.

Quem ganha com a iniciativa são as pessoas que residem nesses municípios, porque receberão atendimento qualificado por uma equipe com competência e dedicação ao serviço público. O mais importante é que o prefeito Eduardo Japonês de Vilhena e a prefeita Gislaine Lebrinha de São Francisco participaram dos seminários, são gestores que irão inovar em suas atividades, porque foram capacitados para desenvolver seu comportamento empreendedor.

Essa foi uma iniciativa do diretor superintendente do Sebrae em Rondônia, Daniel Pereira, que nas suas jornadas para divulgar o projeto Rondônia pela Educação, entendeu que deveria premiar os gestores que aplicassem ações empreendedoras nas escolas. A ideia de participar do Empretec foi muito bem aceita pelos profissionais das prefeituras e contagiou as administrações dos municípios que agora possuem maior engajamento cívico em seus quadros. As administrações municipais tomaram consciência do quanto é importante gerar protagonismo entre os cidadãos e perceberam que níveis elevados de capital social provocam cooperação e confiança.

As relações decorrentes de uma capacitação que promove o empowerment só poderá trazer desenvolvimento sustentável para seus territórios. Entende-se como empowerment o processo por meio do qual pessoas, organizações e comunidades adquirem controle sobre questões de seu interesse, trata-se do empoderamento.

O Movimento Rondônia pela Educação foi o catalisador dessa proposta de elevar a capacidade de gestão dos colaboradores dos poderes públicos municipais. A parceria com Sistema de Cooperativas de Crédito do Brasil (Sicoob) permitiu a impressão de 25 mil apostilas que estão sendo distribuídas nas escolas municipais. E como é uma concepção que pretende transformar alunos em empreendedores, o projeto continua, porque, no momento atual, o Sebrae está empenhado em elevar a média do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) dos alunos do 5º ano, mas não se restringe a essa meta. O objetivo do Movimento, por meio dos projetos do Sebrae, é levar educação financeira para as escolas, junto com a educação empreendedora e com o cooperativismo. E para que isso aconteça de forma mais interativa, precisamos capacitar os gestores municipais com o Empretec. Em Presidente Médici agentes de desenvolvimento que trabalham na “sala do empreendedor” fizeram o Empretec. O Sebrae está trabalhando para inserir o empreendedorismo nos órgãos públicos. Servidores públicos com visão empreendedora são capazes de transformar dificuldades em oportunidades e, assim, a população passa a ter melhores serviços e os municípios prosperam.

Para saber mais sobre essa e outras ações do Sebrae, acesse: www.sebrae.ro ou ligue gratuitamente para 0800 570 0800. Você também pode entrar em contato pelo número de WhatsApp (69) 98130 5656 ou pelas plataformas Instagram, Facebook, Twitter, LinkedIn e YouTube, no perfil Sebrae RO.

Fonte: Assessoria – Sebrae/RO

Loading...